Cinema: Quero Matar Meu Chefe

Bebida, Ideias e Planos…

Trio de amigos planejam dar um fim em seus chefes.

Os amigos Dale, Nick e Kurt sofrem nas mãos de seus chefes. Pedir demissão não é uma opção, então, com a ajuda de alguns drinks a mais e dos conselhos duvidosos de um ex-presidiário trapaceiro, os três amigos elaboram um plano confuso, e aparentemente infalível, para livrarem-se de seus respectivos chefes…

Quero Matar Seu Chefe aposta no carisma e na química do seu elenco, e consegue ser um filme bem envolvente e muito engraçado, e o resultado é a melhor comédia do ano… pelo menos até agora.

Recheado de feras, o elenco principal é formado por Jason Bateman (Nick), Jason Sudeikis (Kurt) e Charlie Day (Dale) que mostram uma química incrível na tela. Cada um deu uma personalidade ao seu personagem, que juntos se completam… podemos dizer que Nick é o correto, Kurt o rebelde e Dale o louco, aliás as cenas de Dale com a sua chefe Julia, interpretada pela linda Jennifer Aniston são as mais hilárias de todo o filme. Mas diga-se de passagem, não é apenas Charlie Day e o seu Dale que dão show. Bateman e Sudeikis estão com a competência de sempre, principalmente Bateman. Se divertindo em ótimas cenas temos um frio e calculista Kevin Space, que diverte muito com suas falas ácidas. Colin Farrell está bem caricato, fazendo um chefe pra lá de ignorante e ao mesmo tempo estranho. Jamie Foxx constrói um personagem misterioso e entrega uma atuação pra lá de divertida. Jennifer Aniston mostra que ainda continua linda, e entrega uma Dra. Júlia pra lá de sensual e como o próprio cartaz do filme entrega, também tarada. Até mesmo o diretor do filme Seth Gordon faz pontas em algumas cenas.

O filme tem um roteiro bem inteligente que consegue arranjar soluções bem boladas para o que vai se desenvolvendo na tela. O roteiro aproveita também para brincar e por que não, homenagear a consagrada série Law & Order, em uma cena pra lá de hilária.

Apesar de mostrar três histórias com chefes diferentes, o filme não se perde em momento algum, graças a uma ótima montagem. Quanto a direção de Seth Gordon, notamos que foi mais como auxílio, porque percebemos que pelo nível do elenco, eles improvisaram bastante. Isso fica claro, nos erros de gravações que aparecem quando o filme termina, em uma cena entre Jason Sudeikis e Jason Bateman.

Um elenco afiado e com uma história com um apelo bem popular, fazem de Quero Matar Meu Chefe um dos melhores filmes do ano.

Nota: 9,5

Horrible Bosses, 2011. Direção: Seth Gordon. Com: Jason Bateman, Jason Sudeikis, Charlie Day, Kevin Spacey, Jennifer Aniston, Colin Farrell, Jamie Foxx, Donald Sutherland, Ioan Gruffudd, Julie Bowen, Seth Gordon. 98 Min. Comédia.

Evilmar S. de Almeida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s