Cinema: Sherlock Holmes: O Jogo de Sombras

Genialidade, Cálculos e Mistérios…

Watson e Sherlock: química incrível em mais uma aventura.

Por toda sua vida, Sherlock Holmes sempre foi a pessoa mais inteligente do lugar onde estava… até agora. Ao conhecer o professor Moriarty, Holmes não descobre apenas o seu equivalente intelectual, mas o seu maior inimigo, e a completa falta de consciência de Moriarty pode até fazê-lo melhor do que o detetive. Tudo isso será testado quando o príncipe da Áustria é encontrado morto, e Holmes, indo contra todas as evidências, deduz que o monarca não se suicidou, mas foi vítima de Moriarty como peça de um quebra-cabeça muito mais ambicioso.

Com o sucesso de Sherlock Holmes em 2009, seria natural que uma sequência logo estaria chegando aos cinemas. E dois anos depois chega aos cinemas, Sherlock Homes: O Jogo de Sombras. E se em time que está ganhando não se meche, Robert Downey Jr e Cia estão de volta nessa espetacular sequência.

Na direção do filme Guy Ritchie. O ex-marido de Madonna está de volta na direção, e o seu estilo a lá Zack Snyder de filmar está de volta. Mas confesso que isso me preocupava. Acompanhar as cenas em câmera lenta no primeiro Sherlock, foi sensacional, as cenas casavam perfeitamente com a narrativa do filme. Para este segundo filme, eu estava um pouco receoso, imaginando que Guy Ritchie iria exagerar nesse tipo de filmagem. Ainda bem que ele não exagera, e as cenas em câmera lenta são bem elaboradas, e continuam muito bem feitas. A mais perfeita de todas, é a cena em que acontece uma perseguição em uma floresta. Cena esta, que me lembrou até, o início do filme Melancolia. Guy Ritchie consegue criar ótimas cenas de ação, tendo como ponto de apoio o ótimo roteiro escrito por Kieran Mulroney e Michele Mulroney. O roteiro trás um final muito bem elaborado e divertido, e aberto para uma sequência, que cá entre nós, se continuar com esta qualidade pode vir o mais rápido possível.

Nas atuações, mais uma ótima de Robert Downey Jr. É incrível o seu Sherlock, com o humor na medida certa e transmitindo a genialidade necessária que o personagem necessita. Jude Law continua muito bem como Watson, e a sua química com Robert é ótima. Logo no início temos uma cena de “duelo de diálogos” entre os dois que mostra muito bem o entrosamento entre eles. Rachel McAdams aparece por pouco tempo e seu personagem se despede da trama. Com isso, somos apresentados a bela Noomi Rapace que interpreta a cigana Sim. Noomi está muito bem no seu papel, assim como Jared Harris que interpreta o enigmático professor Moriarty.

Na parte técnica o filme é perfeito. A direção de arte consegue recriar perfeitamente a época do filme. Com isso, figurino e fotografia não tem defeitos. A montagem do filme continua muito boa, mostrando as sequências de Sherlock antes dele atacar alguém, e ajudando muito na narrativa do filme. A trilha sonora carregada de ação está na medida certa para deixar o espectador dentro da aventura.

Aventura, ação, humor e mistérios… Sherlock Holmes: O Jogo de Sombras é daqueles filmes que merece ser visto no cinema.

Nota: 9,0

Sherlock Holmes: A Game Of Shadows, 2011. Direção: Guy Ritchie. Com: Robert Downey Jr., Jude Law, Noomi Rapace, Stephen Fry, Jared Harris, Rachel MaAdams, Kelly Reilly, Geraldine James, William Houston, Eddie Marsan. 129 Min. Ação.

Evilmar S. de Almeida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s