Cinema: Um Método Perigoso

Simples, Minucioso e Brilhante…

Jung e Freud: o filme é um deleite para os fãs da psicanálise.

Seduzido pelo desafio de um caso impossível, o determinado Dr. Carl Jung decide tratar da perturbada porém bela Sabina Spielrein. Usando o método do seu mestre, o renomado Sigmund Freud, Jung acaba se envolvendo com Sabina, e quando Freud também cai aos encantos de Sabina, a relação dos dois pode sofrer um abalo definitivo.

Inspirado em um livro de John Kerr, Um Método Perigoso não é aquele filme onde suspenses acontecem e você fica aflito para saber o que vai acontecer. O filme é movido pelas atuações pra lá de viscerais do trio principal de atores, o maior destaque vai para Michael Fassbender que cresce como ator a cada papel, e aqui ele tem uma atuação espetacular como Dr. Carl Jung e Keira Knightley que tem uma atuação que chega a espantar, tamanha foi a dedicação da atriz para compor o papel, na minha opinião, é a melhor atuação da sua carreira, e olha que ela já foi até indicada ao Oscar. Viggo Mortensen é o mais “tímido” dos três, e sua atuação em alguns momentos chega a ser um pouco forçada, devido ao sotaque que o personagem Freud exige, mas nada que comprometa a terceira parceria do ator com o diretor David Cronenberg, a dupla já trabalhou junta nos ótimos Marcas da Violência e Senhores do Crime.

Cronenberg tem uma direção um pouco mais cometida que em seus outros trabalhos. Isso se deve ao excelente elenco que ele tinha em mãos e sabia exatamente o que o diretor queria. Em algumas cenas, o diretor escolhe o silêncio, sem nenhuma trilha ao fundo. Isso faz com que o público mergulhe ainda mais na história. Não é um filme forte como seus outros trabalhos, mas Um Método Perigoso vale a pena ser descoberto.

Um Método Perigoso é uma obra obrigatória para aqueles que apreciam a psicanálise e também para aqueles que são fãs de atuações soberbas.

Nota: 8,0

A Dangerous Method, 2011. Direção: David Cronenberg. Com: Michael Fassbender, Viggo Mortensen, Keira Knightley, Vincent Cassel, André Hennicke, Arndt Schwering. 99 Min. Drama.

Evilmar S. de Almeida é comentarista de cinema do Claquetes. Instrutor de Informática por profissão e cinéfilo por natureza, é fundador e Editor Chefe do Claquetes desde 2011.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s