Cinema: Cinderela

Disney transmite todo os encantos da clássica animação em um filme live action.

Disney transmite todo os encantos da clássica animação em um filme live action.

Ano passado a Disney inovou ao trazer para os cinemas, com atores reais, a história de a Bela Adormecida, no filme Malévola. E a inovação ainda foi maior, porque a história é contada pelo ponto de vista da vilã, interpretada tão bem por Angelina Jolie. A Disney repete o feito, e esse ano chega aos cinemas Cinderela também em live action. Mas dessa vez, a história mantém o ponto de vista do clássico da animação.

Cinderela é um filme simples, e por isso foi tão bem realizado. O diretor Kenneth Branagh tem um estilo teatral já conhecido, e por isso preza muito pelas atuações, deixando de lado os efeitos especiais. Se em Malévola os efeitos eram vistos a quase todos os momentos, aqui em Cinderela eles aparecem pouco, só quando são necessários. Diga-se de passagem, os efeitos são incríveis. Seja na transformação da abóbora em carruagem ou na transformação do vestido de Cinderela, os poucos efeitos caíram como uma luva ao filme.

Um roteiro leve que nos mostra humor, drama e romance na medida certa. Cinderela é bem simples de entender, e, acima de tudo, é uma grande homenagem à clássica animação. Kenneth Branagh realizou um filme simples, porém, um filme muito bom.

Como não temer a madrasta má de Cate Blanchett? A atriz deu um ar todo especial à personagem, suas risadas diabólicas e seu olhar aterrorizante ficaram marcados. Helena Bonham Carter aparece apenas na cena da noite do baile real, mas a atriz aparece de forma marcante. A jovem Lily James não tem a beleza de uma Anna Kendrick, que viveu Cinderela em Caminhos da Floresta, mas a atriz tem a doçura e o encanto que a personagem necessita. Ajudada por uma fotografia deslumbrante, Lily sempre se destaca em cena, seja pelo seu belo cabelo loiro, ou pelo seu lindo vestido azul, a atriz nos entrega a Cinderela perfeita.

Cinderela acerta por homenagear a obra original, por nos fazer viajar à outra época, por ter todos os encantos das animações clássicas da Disney. Um filme simples, um filme família e que vale cada segundo.

Nota 8

Cinderella, 2015. Direção: Kenneth Branagh. Com: Lily James, Cate Blanchett, Richard Madden, Helena Bonham Carter, Nonso Anozie, Stellan Skarsgard, Sophie McShera, Holliday Grainger. 105 Min. Romance.

ass_evilmar

ass_nayara

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s